Android Oreo: É a versão oficial 8.0 e aqui está ele!

Foi hoje, dia 21 de Agosto de 2017, que a Google decidiu desvendar o nome da versão 8.0 do seu sistema operativo Android. Chama-se Android Oreo!

Vamos ver neste artigo as novidades que nos traz esta actualização.

Android Oreo

A Google garante que versão Oreo conta com muitas novidades, que vão melhorar o desempenho do sistema operativo e agradar tanto aos utilizadores quanto aos desenvolvedores.

Antes de passar para as novidades, fica aqui o vídeo de poucos segundos da apresentação do Oreo.

O que traz de novo o Android Oreo?

Seguem as novidades por temas:

Arranque

A Google prometeu mais rapidez no arranque durante o boot inicial (quando o dispositivo é ligado) do que as versões anteriores, garantindo o dobro da velocidade.

Aplicações

As aplicações apresentarão novos pontos de notificação. Por exemplo, no ecrã principal do smartphone ou tablet, poderá ver as notificações das aplicações directamente no atalho que foi criado lá.

As aplicações que rodam em segundo plano poderão ser agora geridas com mais facilidade, focando assim todo o hardware necessário para as aplicações que exigirem mais do dispositivo.

O preenchimento automático ou o autocompletar será agora nativo. Isto significa que o Android memorizará logo a autenticação, por exemplo em contas de redes sociais (Facebook, Twitter, Instagram, etc.). Desta forma, ao reinstalar uma aplicação, ou se você for trocar de dispositivo, não vai ter mais trabalho em introduzir os seus dados (e-mail e palavra-passe ou senha).

Modo de multitarefa

Quando se alterna de aplicação para aplicação, essa acção é permitida graças à multitarefa. Em alguns dispositivos, por exemplo, nos Samsung basta carregar no botão do meio e pressionar uns segundos para aparecer todas as aplicações abertas.

Leia mais:  Android: Já sabe configurar o WhatsApp Web para PC?

No Android puro (isto é, aquele instalado nos Nexus e Pixel) com a anterior versão Nougat, já trazia a multitarefa em ecrã (tela) dividida.

Com o Oreo, a novidade é a Picture-in-Picture, sendo possível agora minimizar uma app para o canto do ecrã à nossa escolha, permitindo assim utilizar outras aplicações que estejam abertas por trás. Essa novidade é óptima para apps com chamadas de vídeo ou mensageiros (WhatsApp, Messenger, entre outras).

Segurança

A segurança não foi esquecida, porém melhorada com o Play Protect. Recorda-se? Já falámos aqui. O sistema operativo verificará todas as aplicações que forem instaladas através do Google Play ou usando outros meios, como a partilha do APK (ficheiro ou arquivo da aplicação que deverá ser instalado manualmente com o recurso a exploradores de ficheiros como o ES Explorer, autorizando a instalação de fontes não seguras). O Protect também irá ser responsável pela monitorização e verificação diária para detectar comportamentos estranhos de aplicações instaladas.

Autonomia (bateria)

Quanto à autonomia, prevê-se um maior aproveitamento da bateria. Isso significa que a Google quer que as baterias dos smartphones e tablets durem mais tempo e longe dos carregadores.

Outras novidades

Mais emojis, maior agilização na actualização dos fabricantes para a nova versão Android 8.0 “Oreo” e novidades para os desenvolvedores.

De acordo com a Google, foram incluídos 60 novos emojis (bonecos).

Um dos grandes problemas do Google foi sempre a agilização do processo de actualização do sistema operativo nas várias marcas que utilizam o Android. Para isso, foi criado o Project Treble, que vai facilitar os fabricantes a actualizarem os seus dispositivos e de um modo mais rápido. Com o Oreo, a Google pretende pôr agora em prática o projecto.

Quanto aos desenvolvedores (os que criam e desenvolvem apps), vão poder configurar os ícones das apps com um tamanho padrão. Essa é uma das várias novidades para os desenvolvedores, que promete fazer com que os ícones tenham o mesmo padrão no ecrã (tela) do utilizador.

Leia mais:  Incêndios em Portugal: saiba onde estão

Veja aqui mais novidades.

Quando vai chegar o Oreo aos dispositivos?

Apesar de ser hoje lançado, a Google ainda não definiu uma data para a chegada do Oreo. Porém, este já se encontra disponível no Android Open Source Project (Projecto de código aberto para Android). Prevê-se que esteja disponível em breve nos Nexus e Pixel que são os dispositivos da Google. Quanto aos outros fabricantes, deverão receber o Oreo até ao final do ano.

Você gostou do artigo? Partilhe-o!

Sobre: Rui Silva

Fundador e criador do site “i-Técnico – Informática Para Todos”.

Deixe um comentário.