Edge: Novidade promete fazer poupar recursos

Na última versão, o Edge melhorou muito o seu desempenho com esta nova funcionalidade e diminuiu o consumo de recursos.

Que funcionalidade é essa? Saiba tudo neste artigo.

Edge

Com base no Chromium, o novo Edge, lançado em 2019, está muito parecido com o Chrome e tem algumas funcionalidades parecidas. Por exemplo, quando se abre um separador novo, é criado um novo processo no Gestor de Tarefas (Gerenciador de Tarefas).

No entanto, a Microsoft procura a cada actualização do Edge melhorar o seu navegador e esta é sem dúvida uma boa novidade, que promete poupar os recursos.

Para conferir a novidade, verifique se o Edge do seu Windows está actualizado e tem a Versão 88.0.705.56 que é a actual.

Funcionalidade do Edge promete reduzir o consumo de recursos

Imaginando que você tem uma série de separadores (abas) que abrem automaticamente quando você inicia o Edge, cada um deles irá criar um separador (aba). Esses separadores (abas) consomem recursos (CPU, Memória, Disco, Rede e GPU) e quanto mais recursos forem consumidos, mais lento será o desempenho do seu computador.

No entanto, com esta última actualização, a versão 88 do Edge coloca todos os separadores (abas) que não estão a ser utilizados em “modo soneca” (em inglês “Sleeping Tabs“), ou seja, é como se o Edge os desactivasse, para que eles não fiquem a consumir recursos desnecessários.

Esta novidade já tinha sido anunciada em Dezembro de 2020, no blog do Microsoft Edge, e promete reduzir o uso de memória em 32% em média. Além disso, o uso de separadores (abas) “adormecidos” aumentará a vida útil da bateria, pois um separador (aba) “adormecido” usa, em média, 37% a menos de CPU (processador) do que um separador que esteja activo.

Uma novidade que não pode ser aplicada a todos os separadores

Dificilmente havemos de conseguir agradar a gregos e a troianos. Existem separadores (abas) que não vão entrar em “modo soneca”:

Então quais são as actividades que impedem um site de entrar em “modo soneca”?

  • A página que está actualmente visível;
  • A página que está actualmente com um bloqueio web (Web Lock) ou uma transacção IndexadaDB (IndexedDB transaction);
  • A página que está a partilhar o seu BrowsingInstance com outra página;
  • A página é um site interno (intranet) da sua empresa;
  • A página que está actualmente a reproduzir áudio ou a utilizar os periféricos de comunicação (webcam, microfone, etc.).

Como funciona a tecnologia de separadores “adormecidos” do Edge?

Os separadores baseiam-se no núcleo da tecnologia de “congelamento” (“freezing”) do Chromium. O congelamento pausa os temporizadores de script de um separador, minimizando o uso do processador (CPU), disponibilizando assim a memória para outros separadores abertos, novos separadores ou aplicativos do sistema.

Ao passar com o rato no separador “adormecido”, aparecerá o título do site que está aberto nesse separador com a seguinte mensagem “Este separador está a dormir para guardar recursos.”. Confira a imagem:

Edge - Separadores 'adormecidos'

E você, já tinha visto essa novidade dos separadores “adormecidos”? Achou alguma diferença no desempenho da sua máquina? Deixe-nos o seu comentário.

Espere! Se chegou aqui, não se esqueça de partilhar o artigo e subscrever as nossas redes sociais. Para você, pode não ser importante, porém, para nós é e vai ajudar-nos a crescer!

A sua ajuda é muito importante! Dê-nos uma ajuda e divulgue este artigo. Partilhe-o nas redes sociais!

About Rui Silva

Fundador e criador do site "i-Técnico - Informática Para Todos".

Deixe um comentário.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.