Software Open Source: O que é isso? Entenda.

Certamente que você já ouviu que pode fazer download de um determinado programa pois ele é open source (ou gratuito).

Mas o que é um software open source?

Software Open Source ou livre

Os softwares open-source já fazem parte do nosso dia-a-dia desde 1998. Foi em Fevereiro desse ano que o termo “Open Source” surgiu numa reunião onde estavam várias pessoas como Chris Peterson, Larry Augustin, Eric Raymond, Todd Anderson e Sam Ockman.

O que é um software open source?

O software open-source é uma aplicação que tem o seu código aberto, isto é, qualquer pessoa que entenda de programação, poderá ter acesso ao seu código-fonte.

O código-fonte, ou simplesmente “código”, é a linguagem de programação utilizada para criar aquele software. Editando esse código, o programador ou desenvolvedor poderá melhorá-lo, alterá-lo ou apenas consultá-lo.

Com o aparecimento dos softwares open source gerou-se uma nova filosofia: a filosofia da FSF – Free Software Foundation (Fundação para o Software Livre), que tem em conta a liberdade de expressão e não o lucro. Essa fundação é uma organização sem fins lucrativos e foi fundada em 1985 por Richard Stallman, que é considerado o “pai” do software livre. Por isso, também se fala muito de “Software livre” quando se quer referir ao tal software open source.

Entretanto, o termo “open source” entrou na nossa língua como “código aberto”. Mas se existem programas (ou software) de código aberto, também existem os de código de fechado.

Diferenças entre um software de código aberto e um de código fechado

Um software de código aberto ou open source é um software gratuito, uma vez que o seu código pode ser editado por desenvolvedores. Esse software pode ser encontrado nos sites dos desenvolvedores já compilado, ou seja, pronto a ser instalado pelo utilizador (🇧🇷usuário) final. Porém, também poderá encontrar o código desse software em plataformas de hospedagem de código-fonte como o GitHub.

Um software de código fechado é aquele que tem um proprietário e somente os desenvolvedores desse proprietário terão acesso ao código. Assim que o software esteja finalizado e pronto para ser instalado, é colocado no mercado com um valor para ser adquirido depois pelos consumidores ou utilizadores (🇧🇷usuários) que irão usufruir desse software.

Exemplos de softwares de código aberto e código fechado

Confira a tabela abaixo de exemplos de software de código aberto e código fechado e o que eles fazem.

Software open source Software pago
Sistema operativo (🇧🇷sistema operacional) Linux, Android Windows, MacOS
Desenho Paint.NET Paint (Microsoft)
Desenho vectorial GIMP Corel Draw
Adobe Photoshop
Suite burocrática Libre Office / Open Office Microsoft Office
Navegadores Firefox da Mozilla,
Chrome da Google,
Edge da Microsoft,
entre outros.

Essa tabela não foi feita ao acaso, pois permite ver que existem alternativas gratuitas aos produtos pagos. No entanto, é claro que os produtos pagos têm aquelas funções que nem sempre os produtos gratuitos conseguem cumprir.

Actualmente, a lista de software open source é tão grande e vasta que estaríamos aqui o dia todo a dar exemplos.

E você, já usava algum software open source ou livre? Deixe-nos o seu comentário. Não se esqueça de partilhar o artigo e subscrever as nossas redes sociais para receber os conteúdos em primeira mão.

Apoie o “i-Técnico”! Não é preciso muito.
Se você doar 1€ já está a ajudar-nos bastante.

A sua ajuda é muito importante! Dê-nos uma ajuda e divulgue este artigo. Partilhe-o nas redes sociais!

About Rui Silva

Fundador e criador do site "i-Técnico - Informática Para Todos".

Deixe um comentário.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.