O seu filho corre perigo no Facebook?

6)   Páginas ou fan page

Embora não seja aceite pelo Facebook, enquanto este não tomar conhecimento, existem inúmeras páginas com conteúdo para adultos, acessíveis a qualquer pessoa, que possam ferir a suscetibilidade (sensibilidade) do seu filho. Lembre-se que ao fazer like (dar uma curtida) a uma página, todos os seus contactos irão ver que gostou dessa página, através do seu feed de notícias.

Essas páginas podem ter fotografias com nudez, sexualmente explícitas (com conteúdo pornográfico) ou conter texto de caracter ofensivo.

Sempre que tomar o conhecimento de páginas dessas, mesmo com o vosso perfil, recomenda-se que as denuncie.

7)   Grupos

Qualquer grupo pode ser visto pelo seu filho. Existem grupos criados com vários propósitos, e alguns contêm os seus posts visíveis apenas para os seus membros. Recomenda-se todo o cuidado em grupos, pois nem todos são destinados a crianças.

É bom lembrar que qualquer post que o seu filho faça em grupos, estes aparecerão no feed de notícias de todos os seus contactos.

Também é bom saber que o Facebook disponibilizou recentemente a possibilidade de conversar diretamente com todos os membros desse grupo num chat (bate papo) privado.

8)   Jogos

Na sua grande maioria, qualquer jogo é gratuito, mas acontece que ninguém dá nada a ninguém. Para recuperar as vidas perdidas num jogo, por exemplo, poderá ser pedido ao seu filho para pagar um montante em euros ou reais, através do seu telemóvel (celular) usando o seu saldo.

9)   Sites terceiros

Existem sites com inúmeros vídeos bloqueados. Normalmente esses sites pedem que se faça like (se dê uma curtida) nesse determinado vídeo, para ser visualizado. Assim que o like (curtida) for feito, aparecerá no feed de notícias de todos os contactos desse indivíduo.

Também existem outros sites que agem diretamente com o Facebook, ou seja, a pessoa ao fazer like no próprio site ou num artigo, este aparecerá no feed de notícias.

Isto pode ser perigoso se o seu filho tiver adicionado, por exemplo, os pais dos seus amiguinhos da escola.

10)   Privacidade

Nem todas as pessoas sabem publicar de forma correta o seu status. Existem pessoas que publicam para todo o mundo ver, isto é, qualquer pessoa pode ver, incluindo as que não tiverem conta de Facebook. Isto aplica-se não só ao status, mas também às fotografias.

A lista dos amigos do seu filho deverá estar acessível apenas para ele mesmo.

Clique aqui para voltar ao início do artigo.

Recomendações

Existem várias formas de conseguir controlar 99% da actividade do seu filho no Facebook como na Internet.

Podemos ainda dar uma ou outra recomendação a titulo informativo:

  • Estar sempre presente nas horas que o seu filho está na Internet
  • Criar uma conta de utilizador (usuário) específica para o seu filho
  • Ter acesso total à conta de Facebook do seu filho

Consulte sempre um técnico de informática especializado na área da segurança informática e redes sociais, antes de criar uma conta de Facebook para o seu filho.

Lembre-se que o Facebook é um lugar de convívio, e pode ser comparado a um grande centro comercial, onde tem lojas para todo o gosto, e pessoas para tudo.

Proteja o seu filho mantendo-o sempre junto de si!

 

Clique aqui para voltar ao início do artigo.

Você gostou do artigo? Então partilhe-o.

About Rui Silva

Fundador e criador do site "i-Técnico - Informática Para Todos".

4 Replies to “O seu filho corre perigo no Facebook?”

  1. Olá Rui. Realmente há coisas que nem lembra ao Diabo. Vejam só… A família! Alguém ia lembrar se que a família pode ser prejudicial??
    Bem, uma coisa é certa… Não deveria de existir a possibilidade de criar contas de Facebook para crianças com menos de 13 anos!!
    O que eu sei é aquilo que me levou a escrever este comentário:
    O artigo está bem escrito, sem erros ortográficos e com uma boa gramática. Quanto ao conteúdo, nada, mas mesmo nada a apontar. Estão mesmo de parabéns.

  2. Muito bom artigo! Sou pedagoga e piscologa. Tambem sou mãe, e partilho a vossa opinião. Já me têm consultado, mas eu não quis nunca negar o lado negro do Facebook. As pessoas pensam que eu tenho um pavor do Facebook, mas esta é minha profissão e devo ser o mais franca possível. Acho que o i-Técnico se identifica mesmo comigo. E toda a profissão deveria ser assim: transparente como a água.
    Ótimo artigo, gostei bastante! Boa continuação. Maria Santos

  3. Todo o cuidado deve ser tomado e principalmente para crianças de pequena idade devem ser acompanhados pelos pais, afinal os pais são as “autoridades” da casa e de tudo o que existe nela, inclusive os filhos. Não se pode deixar os filhos “pequenos” discutir e tomar certas decisões em suas vidas enquanto estão debaixo do olhar de seus pais. Esta “liberdade” deve ser de proteção e amparo aos filhos. Não digo “autoritarismo” que é outro assunto, o que está em questão é sobre proteção e segurança para que a dor e o sofrimento não dilacere a família.

Deixe um comentário.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.